Discurso Direto



Mestrado em Relações Interculturais - 24ª Edição

DD

A 24ª edição do curso de Mestrado em Relações Interculturais (MRI), do Departamento de Ciências Sociais e de Gestão (DCSG), iniciou-se no dia 20 de fevereiro. Para assinalar a feliz data, a coordenação do MRI organizou uma sessão de receção e acolhimento aos mestrandos com o objetivo de proporcionar um espaço de encontro entre os diversos atores envolvidos, ou seja, entre estudantes que iniciam agora o seu curso e outros que se encontram em fase mais avançada de estudo, com a preparação dos projetos de investigação ou em fase de conclusão da dissertação de mestrado mas também para o conhecimento dos responsáveis institucionais, docentes e técnicas que dão suporte de secretariado.

A sessão de abertura realizou-se presencialmente na sala de atos da Universidade Aberta, Palácio Ceia, mas também virtualmente através de ligação por Colibri para a Delegação Porto da Universidade Aberta e para vários estudantes que se encontravam em vários locais de Portugal e no estrangeiro.

A abrilhantar o encontro contámos com a calorosa receção do Senhor Reitor, Professor Doutor Paulo Dias que, como representante máximo da UAb, apresentou a Universidade e nos deixou os melhores incentivos para esta caminhada académica. Esteve também presente o Senhor Diretor do DCSG, Professor Doutor Mário Negas que apresentou o Departamento e refletiu sobre o enquadramento do MRI no contexto mais alargado da UAb e do DCSG.

Os docentes do MRI tiveram a oportunidade de fazerem uma apresentação pessoal e profissional e das unidades curriculares pelas quais são responsáveis. Igualmente enriquecedora e elucidativa foi a apresentação das áreas de investigação dos docentes e a Coordenadora Científica do Centro de Estudo das Migrações e Relações Interculturais (CEMRI) apresentou as linhas de investigação do centro de investigação que, pela proximidade temática, desde há longos anos tem acolhido estudantes do MRI e permite aos estudantes perspetivarem um futuro enquadramento em termos de investigação, que se pode aprofundar com a continuidade do percurso académico através da candidatura ao Doutoramento em Relações Interculturais.

Este mestrado é um dos cursos de graduação mais antigos da UAb e conta com a realização de 360 dissertações em diversas áreas temáticas relacionadas com as relações interculturais nas suas diversas dimensões, em diferentes contextos. Por exemplo, as migrações nas suas várias perspetivas, seja no que se refere a fenómenos de emigração, imigração, migrações forçadas ou refugiados; a questão da compreensão das (trans)formações e reconfigurações de identidades culturais e sociais múltiplas e complexas; as relações e o convívio interétnico nas sociedades contemporâneas, as diversidades culturais, os novos fenómenos de expressão cultural ou as tradições e a sua importância como afirmação identitária, etc. 

O curso tem por principais objetivos desenvolver conhecimentos teóricos, conceptuais e empíricos sobre as problemáticas da interculturalidade e das relações interétnicas nas sociedades contemporâneas, a partir de diferentes perspetivas ligadas às Ciências Sociais e incentivar a análise crítica dos principais debates, argumentos e ideias que configuram as diferentes realidades multiculturais contemporâneas e fornecer os instrumentos necessários para estabelecer estratégias, métodos e práticas adequadas à resolução ou à prevenção de problemas e/ou tensões em contextos multiculturais. Nesse sentido, é com grande expectativa que esperamos os contributos dos mestrandos para a compreensão da realidade social, tanto mais que atualmente assistimos a grandes movimentações de migrantes, nomeadamente no que diz respeito às migrações forçadas, com a deslocação de milhares de pessoas dos seus países de origem e que nos desafiam a compreender diferentes culturas, diferentes formas de acolhimento e a diversidade cultural. 

Os atuais estudantes presentes na sessão partilharam, entusiasmados, as motivações e expetativas para a frequência do curso e os estudantes que se encontram em fase mais avançada e ex-estudantes descreveram com pormenor os temas escolhidos e os seus percursos de investigação. Para além das investigações desenvolvidas pelos mestrandos em vários locais portugueses, a UAb possui também um valioso acervo de dissertações desenvolvidas em outros contextos geográficos, como Angola, Moçambique, Cabo Verde, Timor, Macau e Brasil e em contextos de emigração portuguesa.

A sessão foi muito importante para nos conhecermos e para partilharmos o orgulho de estarmos juntos neste mestrado com um histórico muito rico em termos de produção académica e cientificamente acreditado pela A3ES de forma muito honrosa. Esperamos poder organizar outro encontro idêntico que continue a sedimentar as ligações dos mestrandos com a UAb e com os docentes. A todos e todas os que participaram no encontro, o nosso agradecimento muito especial.



A coordenadora do Mestrado em Relações Interculturais,
Olga Magano


Mais notícias...

Novo portal UAb oferece Aula Aberta
Candidaturas abertas para o próximo ano letivo
Protocolo com a Universidade Federal do Maranhão
Empregabilidade e Inclusão em destaque
Estudantes estrangeiros em Lisboa já têm espaço de acolhimento
Revista Internacional em Língua Portuguesa (AULP)
Colóquio Manuel Sérgio
Submisão de artigos à 7ª Conferência Ibérica de Empreendedorismo

Ver Newsletter

 © Universidade Aberta 2008    Otimizado para: Resolução 1024x768 / Internet Explorer 7 / Firefox 3